Miguel Salaberry Filho, secretário nacional de Relações Institucionais da União Geral dos Trabalhadores (UGT) declarou total contrariedade à intensão do governo federal de mudar as regras do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do Seguro Desemprego. Para o sindicalista, o governo quer seguir confiscando a poupança privada do trabalhador. Desta vez, a trapaça virá com o p...
As Centrais Sindicais têm acompanhado cotidianamente os desdobramentos da crise econômica, política e social, bem como a mais ampla e profunda tentativa de retirada dos direitos dos trabalhadores, através da tramitação das Reformas Trabalhista e da Previdência no Congresso Nacional. A ação unitária das Centrais Sindicais tem resultado em uma grande mobilização em todos os cantos do país, como vimos nos dias 08 de março, 15 de março, na Greve Geral de 28 de abril e no Ocupa Brasília em 24 de maio. Como resultado do amplo debate com a socie...
Representantes das principais centrais sindicais do país estiveram reunidos na tarde desta quarta-feira (21) com o ministro do trabalho, Ronaldo Nogueira, para discutir a implantação de medidas necessárias para evitar os danos ao trabalhador que o projeto de Reforma Trabalhista, em tramitação no Congresso, pode causar à classe trabalhadora. Estiveram presentes à reunião Ricardo Patah, presidente nacional da União Geral dos Trabalhadores (UGT), Chiquinho Pereira, secretário de organização da UGT, o deputado federal Ademir Camilo, vice-presidente da UGT e re...


Por 10 votos a 9, Comissão de Assuntos Sociais rejeita texto principal da reforma trabalhista
Confirmando a perda de forças do governo, a Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado rejeitou, por 10 votos a 9, o texto principal da reforma trabalhista, que deixa de constituir o parecer da comissão. O resultado da reunião de 20 de junho foi comemorado por senadores de oposição e demonstra a dificuldade da base governista em aprovar o texto no Senado, depois da vitória apertada na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), em 6 de junho, por 14 votos favoráveis e 11 contrários, que aprovou o relatório do senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) favorável ao projeto de lei da Câmara (PLC) 38/2017. Com a rejeição do relatório de...

Empregados, sindicato e órgãos internacionais estão contra o Grêmio
Quando as leis trabalhistas, descritas na CLT, e os termos de convenções e acordos coletivos de Trabalho não conseguem definir as relações entre patrões e empregados, na prática, vivenciamos o cenário projetado pela Reforma Trabalhista. O que o governo federal pretende estabelecer, em nível nacional, é o que o Grêmio Foot-Ball Porto-alegrense, presidido por Romildo Bolzan Júnior, já aplica no Rio Grande do Sul, quando nega a venda de 10 dias das férias, impõe o banco de horas e persegue, sistematicamente, dirigentes sindicais. O descumprimento da legislação em diversos pontos, documentados em processos que se avolumam, chegou &...